A vida de Mosley

Prolegômeno dos Evangelhos de Genésio, traduzido do original Gospel of Cheesus, remasterizado por Kim Kardashian.

Nós somos todos evoluídos de golfinhos. Ou fomos criados a partir de um coqueiro. Para o Grand Formage isso é irrelevante. Essa foi a revelação que eu tive enquanto eu comia um prato de macarrão… ou era um pedaço de pizza? Tanto faz, isso é irrelevante para a Revelação.

Eu escrevo a revelação tal como esta me foi entregue pelo Grand Formage, através de seu anjo enviado, o Espaguete Voador, para que nós conheçamos os Dez Condimentos e a vinda de Genésio, que nos tiraria dessa vida em que vivemos comendo fast food [blasfêmia!].

O senhor, a senhora, irá duvidar de minhas palavras, por causa de minha aparência ou por causa de minha profissão. Sim, nós somos um só povo, filhos e filhas de um Criador, o Grand Formage. Piratas, corsários, bucaneiros, filibusteiros. Não se deixem enganar por viver em sociedade, por ter sido influenciado por uma cultura e por ter nascido em algum país. Debaixo dessas roupas refinadas existe um pirata.

Toda essa vida dita civilizada não seria possível se não fosse por nós, homens dos mares, trazendo para a Europa as especiarias, os temperos e os condimentos vindos da África, do Oriente, da Ásia e além. A humanidade não teria se espalhado por esse mundo enorme se não fosse por nós, navegantes dos mares.

Nosso tipo de comércio, transporte e profissão é bem diversificado e dinâmico, então não leve para o lado pessoal quando nós abalroamos suas galeras e pilhamos suas cargas e riquezas. Elas sempre foram nossas, para começo de conversa. Gente comum pode não perceber, mas o governo do seu país, seja qual for, está na mão de mercenários como nós.

Nisso consiste toda a ironia da vida. Nós somos perseguidos, presos e julgados por governantes que são piratas como nós. O senhor, a senhora, trabalha inocentemente para um empresário e esse é outro nome bonito para um corsário. Mesmo em sua vida comum, civilizada, o senhor e a senhora procuram tirar vantagem das circunstâncias e isso é a alma de um filibusteiro. Se andar armado de um trabuco, é um bucaneiro.

Eu tenho orgulho de afirmar que nasci dentro de uma galé e uma gaivota anunciou para minha santa mãe que ela daria a luz ao Profeta e que o mundo conheceria os Dez Condimentos por sua missão. A Armada Espanhola nos perseguia, a Esquadra Inglesa nos perseguia. Eu passei doze anos de minha vida escondido em algum lugar do Caribe, até que o capitão John Hexen aportou em nossas costas. Ele me adotou e debaixo de suas barbas eu comecei no Ofício. Aos treze anos, eu fui reconhecido e batizado como pirata no passadiço de uma caravela. Zéfiro me conduziu por vinte anos através dos Sete Mares e eu fiz meu nome e minha reputação.

Sim, eu cheguei na idade de Cristo e eu conheci os diversos exercícios de Eros e Afrodite nas coxas de Anne Tiler, que foi a minha sacerdotisa e minha Magdala. Mas eu recusei acabar pendurado em uma cruz, em terra firme, muito embora diversas vezes me prometeram esticar meu pescoço com uma corda no mastro mais alto de uma nau capitânia. Pelo Tesouro de Barba Ruiva, que eu morra em batalha, entre navios arpoados, tiros, espadas, gritos e gemidos, seja de batalha, seja de amor.

Chame de sutileza da Fortuna, mas foi na Córsega, essa ilha meio romana, meio fenícia, que eu fui visitado pelo Espaguete Voador e eu recebi de seus apêndices a bandeja [a tábua onde o atendente traz a comida e bebida] contendo os Dez Condimentos para espalhar a Boa Especiaria a todo o mundo.

Eu sei, isso é loucura e diversos outros que se diziam Profetas enviados por Deus também alegaram que traziam a Boa Palavra. No Novo Mundo, os descendentes dos colonos ingleses levaram uma forma incompleta e distorcida da minha Revelação, mas este é meu testamento verdadeiro e vocês não devem tomar o Mensageiro, o Espaguete Voador, com o Criador, o Grand Formage.

Assim como o Grand Formage colocou quatro ventos em cada canto do mundo, Genésio tem Os Evangelhos dos Quatro Queijos, para que os Dez Condimentos sejam conhecidos em suas quatro formas: polvilhado, líquido, orgânico e misturado. Aquele que souber temperar sua vida, sabe todo o segredo da vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s