Bigamia, cafetinagem, pedofilia e incesto bíblico

Cristão que pega em sua bíblia para falar dos bons valores cristãos não deve ter lido a história de Abrão, Lote, Isaque e descendentes.

Abrão mostra como o Deus Bíblico é confuso com valores morais e sexualidade.

Abrão convenceu o rei do Egito que sua mulher [Sara] era sua “irmã” e ela foi praticamente “emprestada” ao rei do Egito em troca de animais e servos [Genesis: 12 – 11,16].

Como se não fosse suficiente ter sido “alugada”, mais tarde Sara pede que Abrão tenha filhos com sua serva Hagar [Genesis: 16 – 1,3].

O mais estranho é que o Deus Bíblico assistiu a isso e nada fez, mas a narrativa bíblica aponta que o Deus Bíblico condenava Sodoma e Gomorra. Lote habitava Sodoma e viu os filhos de Deus [anjos, os mesmos que haviam se unido com as formosas filhas dos homens] que visitavam a cidade [para procurar por diversão?] e anunciaram para Lote a sentença que cairia na cidade. Alguns habitantes viram os “estrangeiros” na casa de Lote e quiseram também “conhece-los” [ah, o eufemismo bíblico] no que Lote lhes ofereceu suas filhas para que deixassem os “mensageiros de Deus” em paz [Genesis: 19 – 8].

Fugindo da destruição, Lote e suas filhas foram morar em uma caverna. Não havia mais anjos, habitantes de Sodoma e aparentemente Deus estava ausente, pois as filhas de Lote, para garantir a preservação da linhagem, embebedaram Lote e com ele tiveram relações sexuais [Genesis: 19 – 31,35].

O Deus Bíblico também ficou calado diante da reincidência de Abrão ao apresentar sua esposa como sua irmã, praticamente a “emprestando” para o rei de Gerar, pelo mesmo preço que conseguiu pelo rei do Egito, mais terras e dinheiro [Genesis: 20 – 11,16].

Isaque, filho de Abrão, herdou mais do que as posses conquistadas pela cafetinagem de seu pai, herdou também o mau hábito. Isaque ficou em Gerar e, tal como o pai, convenceu o rei de que ela era sua “irmã”, certamente a “alugando”, para depois colher a indenização.

O filho de Isaque, Jacó, fez mesmo que seu avô e aceitou a oferta de sua esposa para que se deitasse com sua serva Bila. Sem contar que seu sogro o havia convencido a se deitar com sua filha mais velha, Lia, que também o convenceu a se deitar com sua serva Zilpa.

Como que tal livro pode ser guia de moral e bons costumes?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s