Cartoonland – I

A vida em Cartoonland é parecida com a vida no mundo dos homens. Tem personagens que vivem vidas comuns, mediocres, limitadas, sofridas, trabalhadas. Tem personagens que vivem a vida dos artistas, cheio de dinheiro, propriedaes, luxo, influência, celebridade, publicidade, liberdade. Quem vive a vida comum anseia e inveja a vida dos artistas, mas quem é artista inveja quem tem a vida comum.

Assim era a vida de Reinold. Ele ia ao estúdio, colocava o uniforme do personagem, ficava na marca e atuava conforme o roteiro que lhe davam. Ali, debaixo de um holofote, com centenas de câmeras e cada um fazendo sua parte, seguindo um roteiro, mesmo a maior conquista do herói fica apagada. Fora das câmeras, seus colegas mal lhe dirigem a palavra, as garotas não dão atenção alguma, tudo é frio, profissional, distante.

Antes de começar sua atuação ele repetia a si mesmo que o mais importante é agradar a audiência, o público. Quando ele saía nas ruas, ele podia sentir se seu seriado ia bem ou mal. Usando um perfil falso, ele podia acompanhar as críticas ao programa, ao roteiro, à sua atuação. Ele lia com atenção o que os fâns e criticos diziam em redes sociais.

Sua caixa de e-mails vivia lotada de mensagens, propagandas, propostas. Alguns e-mails eram interessantes, outros piegas e poucos eram assustadores. Ele recebeu por e-mail a citação do advogado de sua ex-mulher, para ir ao forum para o divórcio. Algo que no mundo edulcorado da Cartoonland não poderia aparecer ao público. Apesar de ter idade para ser avô de muitos de seu público, ele deve manter a imagem do personagem, como um animalzinho ingênuo, infantil, inocente, puro. O que seus fãns diriam se o vissem trepar com a assitente de palco, 20 anos mais nova do que ele? Provavelmente ele seria demitido e seria caçado como se fosse um pervertido.

As luzes se acendem, o diretor dá o comando pelo megafone, ele se coloca na marca, a atriz está na marca dela, o vilão está na marca dele, os dublês estão esperando a deixa. Seria muito bom se a vida real fossse assim, tudo de acordo com um roteiro e, caso algo dê errado, basta voltar e filmar de novo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s